Inicialmente, em 1967, Carlos Dafé foi testado como contrabaixista, no grupo Dom Salvador e Abolição, primeiro grupo de negros a tocar soul music em um festival da TV Globo.

Em 1970, fez Salvador e Abolição, primeiro grupo de negros a tocar soul music em um festival da TV Globo. No mesmo ano fez turnê com o grupo Fuzi 9, do Corpo de Fuzileiros Naval, por Salvador (Bahia), Porto Rico, Martinica e Curaçau. Gravou um compacto simples, em 1972, com as músicas “Venha matar saudades” e “Verônica”, ambas de sua autoria. Por essa época, Tim Maia, ao ouvir seu primeiro disco, convida-o para integrar a sua banda como tecladista e vocalista. A partir daí, passou a fazer parte do movimento de soul music no Brasil “Movimento Black Rio”, juntamente com Tim Maia, Dom Salvador, Cassiano, Gérson King Combo, Lincoln Olivetti, Sandra Sá, Dom Filó (Equipe Soul Gran Prix), Nirton, Os Diagonais, Banda Black Rio, Alcione (irmão de Oberdan Magalhães), Toni Tornado, Robson Jorge, Paulinho Guitarra, entre outros.

Em 1973, apresenta-se como músico, tocando contrabaixo ao lado de Luiz Carlos Vinhas, Osmar Milito e Luizinho Eça. Por essa época, acompanhava Alcione, Nana Caymmi, Emílio Santiago, Joanna, entre outros artistas da MPB, que também interpretavam suas composições. No ano de 1974, gravou um compacto simples com as músicas “Passarela” e “Bloco da minha rua”, ambas de sua autoria. No mesmo ano, a cantora Alcione interpretou “Acorda que

eu quero ver” e Nana Caymmi interpretou “Passarela” e “Acorda que eu quero ver”.

Carlos Dafé também participou, junto a José Roberto Bertrami (Azimuth), Ayrton Moreira e Clarice, compondo uma orquestra de vinte músicos, sob a batuta do maestro Verocai, do festival Timeless Concert – The Composer/ Arranger Series Presented by VTech em Los Angeles (Estados Unidos).

Em 2017, Carlos Dafé, fez participação no CD Boogie Naipe, do Rapper Mano Brown, no City Bank Hall; também participou no show de lançamento do CD Voo do Urubu do Maestro Arthur Verocai; show no Rio de Janeiro, no SESC Teatro Ginástico e Festival Red Bull , Praça da Sé, São Paulo.